Administrar um condomínio não é uma tarefa fácil, mas com algumas dicas é possível obter sucesso em todas as tarefas.

Deseja administrar seu condomínio com eficiência? Continue lendo a seguir e confira algumas dicas.

Defina protocolos e políticas para ter uma gestão consistente

Todo condomínio — principalmente os de médio/grande porte, como o Areia Leblon — deve ter políticas e protocolos bem definidos e consistentes para evitar as falhas de comunicação e problemas com os inquilinos.

Ter no que se apoiar torna a parte administrativa de um condomínio mais fácil e objetiva, por isso, todas as regras sobre o funcionamento do local devem ser feitas por escrito — e registradas. 

Além disso, é muito importante que elas sejam repassadas sempre que um novo morador se mudar.

É essencial também que os síndicos tenham protocolos em vigor para diferentes situações. Se um inquilino violar alguma política do condomínio, é função dele seguir o protocolo, como emitir um aviso.

Programe e faça inspeções de rotina para reduzir o risco de problemas

Resolver problemas apenas quando os mesmos já tomaram grandes proporções não deve ser a característica de uma boa administração do condomínio. 

Portanto, fazer inspeções regularmente pode ajudar a reduzir o risco de possíveis problemas dentro e fora do condomínio e de suas unidades. 

Todos os alarmes de fumaça/incêndio, acessos às portas de incêndio/emergência, sistemas de climatização, telhados, parte elétrica, dentre vários outros detalhes devem ser inspecionados com frequência para que não haja imprevistos.  

Uma ótima dica é criar um cronograma para que o responsável por essa tarefa se lembre de fazer a checagem de cada item.

Utilize um sistema de gestão para condomínios

Administrar um condomínio, sem dúvidas, requer muito trabalho. São muitas tarefas para serem executadas e, consequentemente, muitos detalhes para serem lembrados. 

Porém, tudo pode ficar bem mais simples se você contratar um sistema de gestão para condomínios que auxiliam em toda essa organização.

Em um sistema de gestão para condomínios, você consegue anotar e organizar por setor todos os afazeres que devem ser feitos, o que torna muito mais prático e fácil de ser encontrado.

Alguns sistemas avisam sobre datas, compromissos e vencimentos antecipadamente, o que evita atrasos. Além disso, facilita na emissão de documentos e é muito útil para guardar dados e informações importantes sobre o condomínio. 

Ficou para trás a ideia de uma agenda para organizar as responsabilidades, pois uma gestão de condomínios eficiente otimiza bem mais o tempo e simplifica as funções.

Não há problema em terceirizar

Para finalizar, administrar um condomínio de médio ou grande porte, naturalmente, exige serviços em uma escala maior, e delegar funções de forma estratégica faz parte de uma ótima gestão de condomínio.

Quando as coisas estão fugindo um pouco do controle e o tempo já não está tão vago assim, é um bom negócio cogitar terceirizar. Contratar um contador para auxiliar na papelada financeira é um exemplo disso.

Alguns reparos também precisam ser feitos por fornecedores especializados, então, não deixe de cogitar uma ajuda extra para que tudo fique em perfeita ordem.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.