Só quem possui um cartão de crédito sabe que às vezes não é fácil controlar o seu uso. Sua praticidade faz com que tudo pareça mais simples, mas sabemos muito bem que a conta chega no final do mês e é aí que as coisas começam a se complicar. Porém, não é difícil mudar esse cenário.

Deseja aprender como finalmente controlar os gastos do seu cartão? Continue lendo a seguir.

Faça um planejamento financeiro

Uma das principais características de quem deseja controlar os gastos do cartão de crédito deve ser a disciplina. Disciplina em se questionar se realmente precisa efetuar uma compra e se planejar financeiramente.

E se tratando de fazer planejamentos, significa que é de extrema importância saber quanto foi gasto no cartão de crédito, bem como onde e com o quê. Portanto, organize-se para anotar todos os usos que fizer do mesmo.

O segredo é contabilizar literalmente tudo o que é pago no cartão. Desde os gastos fixos com academia, compras feitas na farmácia, até o pagamento da internet e da TV a cabo, por exemplo. 

Para isso, você pode apostar em uma planilha no computador ou até mesmo um aplicativo no celular.

Reduza o limite do cartão

Uma parte negativa do cartão de crédito é que, ao utilizá-los, não sentimentos que está perdendo dinheiro, pois o valor não sai imediatamente da conta. Porém, mesmo que exista essa sensação ilusória, você consegue ver o aumento na fatura e o limite diminuindo.

Portanto, para não gastar além do seu salário, uma ótima opção é diminuir seu limite para um valor que não comprometa de forma drástica a sua renda e você consiga sempre fazer o pagamento integral da fatura, sem dores de cabeça e de forma tranquila.

Uma alternativa para não cruzar os limites é que o seu cartão não ultrapasse 30% do que você recebe.

Pague o valor total da fatura

Essa é uma das melhores dicas que você pode seguir. Muitas pessoas acham que não pagar o valor total da fatura é vantajoso, quando na verdade, é uma completa furada. 

Quando você deixa de pagar o valor integral das suas compras, acaba entrando no rotativo do cartão de crédito que possui os juros mais altos, podendo chegar a 14% ao mês. 

E é nesse momento que essa dica se encaixa com a anterior: se você diminuir o limite do seu cartão de crédito para um valor que consiga pagar, as chances de conseguir quitar o valor total é bem maior. 

Outra ótima dica para não ter problemas ao fazer seus pagamentos, é colocar a data de vencimento do seu cartão próximo a data que você recebe o seu salário. Dessa forma, você consegue se organizar e evitar atrasos e muitas. 

Procure cartões sem anuidade

A anuidade é uma taxa cobrada pelo uso do cartão, feita pelo banco ou instituição financeira. 

Diversas empresas fazem essa cobrança mesmo que você não esteja usando o cartão e descontam o valor direto na fatura, o que, obviamente, é um dinheiro mal gasto.

No entanto, hoje em dia existem várias alternativas para se livrar da anuidade, como os cartões de crédito sem a taxa e os que cobram dependendo do valor gasto no mês.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.